Fundos imobiliários de galpões mantém garantias ao investidor

O setor de logística voltado à construção de galpões para armazenagem em condomínios segue representando uma alternativa para os investidores que buscam baixo risco. O estudo é da MS Properties, braço do Grupo M.Stortti focado em negócios imobiliários. De acordo com as análises, o segmento apresenta aspectos positivos mesmo diante do baixo desempenho do Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) em 2013.

“Os Fundos de Investimentos Imobiliários (FII’s) de galpões possuem uma garantia maior. Isso porque estes imóveis são necessários para a armazenagem de produtos dos varejistas a serem distribuídas ao consumidor final. Grande parte deles, antes mesmo de serem construídos, já são ocupados a partir de contratos built to suit”, avalia o diretor Maurênio Stortti.

Situações favoráveis atreladas ao investimento de galpões são as multas contratuais em caso de vacância, no valor do preço dos aluguéis ainda sem vencimento, que representam uma proteção extra para os cotistas do fundo. Além disso, as construções de galpões são muito rápidas se comparadas à construção de torres comerciais, por exemplo. “Quanto mais rápido o imóvel é entregue, mais rápido inicia a divisão das locações aos cotistas”, completa Maurênio.

Atualmente existem sete opções de fundos de investimento imobiliário de logística negociados em bolsa. Juntos, eles são responsáveis por 6,4% do patrimônio total dos FII’s, estando prevista a entrada de novos concorrentes já em avaliação na Comissão de Valores Imobiliários (CVM).

Fonte: Portal VGV

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: